Interlocução de Dr. Leonardo abre portas para nível superior da Unemat em São Félix

March 26, 2019

 

Um encontro entre comitivas de São Félix do Araguaia e da Universidade de Mato Grosso (Unemat), articulado pelo deputado federal Dr. Leonardo (Solidariedade-MT) na manhã desta segunda-feira (25), abriu as portas para a ida de dois cursos superiores da instituição estadual ao município. Com a aproximação, a expectativa é que já em 2020 seja possível iniciar os cursos de educação superior.

 

Participaram da reunião a prefeita Janailza Taveira Leite (Solidariedade), os vereadores João Neto e Dilson Bezerra, e secretários municipais, além de estudantes do ensino médio de São Félix do Araguaia, pela comitiva do município. Da Unemat participaram o reitor Rodrigo Zanin, o pró-reitor de Ensino e Graduação, Alexandre Porto.

 

No encontro, foi discutida a abertura de dois cursos tecnólogos, que possuem formação especializada em nível superior, voltada ao mercado de trabalho, conforme a vocação da região, já no próximo ano. O poder público municipal deve bancar parte dos custos, em parceria com a Unemat. Também iniciaram conversações para o município receber um curso em Direito nos próximos anos.

 

“O diálogo é uma das funções do parlamentar. Aproximar instituições faz parte do meu trabalho e estou muito contente que o encontro tenha sido tão positivo. Se tudo der certo, todo o pólo de São Félix do Araguaia pode se beneficiar com esses novos cursos da Unemat no município, garantindo a capacitação de mão de obra especializada. Isso, por sua vez, também funcionará como impulso para a economia local”, afirmou Dr. Leonardo.

 

De acordo com Janailza, a ida de cursos superiores da Unemat é um clamor da população, especialmente o curso de Direito. “Atualmente quem quer fazer direito e tem condições sai de São Félix e vai para algum município de Goiás para estudar. Por isso, mesmo que o curso de Direito não venha agora, precisamos iniciar as tratativas, mas também levar outras opções ao jovem que sai da ensino médio e quer estudar perto da família”, comentou a prefeita.

 

Os cursos em São Félix podem beneficiar São Félix, Alto Boa Vista, Luciara, Novo Santo Antônio, Bom Jesus do Araguaia e Serra Nova Dourada. “Por isso é possível que São Félix faça um consórcio com as prefeituras de outras cidades das proximidades para reduzir o custo para todos. A ideia é levar um cursos híbridos, ou seja, 80% presencial e 20%, aproximadamente, a distância. Isso reduz custos, facilita ao aluno e mantém o nível do ensino”, concluiu Rodrigo Zanin.


 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Deputado Dr. Leonardo destina R$ 250 mil para saúde de Água Boa

January 13, 2020

1/1
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo