Interlocução de Dr. Leonardo abre portas para nível superior da Unemat em São Félix

March 26, 2019

 

Um encontro entre comitivas de São Félix do Araguaia e da Universidade de Mato Grosso (Unemat), articulado pelo deputado federal Dr. Leonardo (Solidariedade-MT) na manhã desta segunda-feira (25), abriu as portas para a ida de dois cursos superiores da instituição estadual ao município. Com a aproximação, a expectativa é que já em 2020 seja possível iniciar os cursos de educação superior.

 

Participaram da reunião a prefeita Janailza Taveira Leite (Solidariedade), os vereadores João Neto e Dilson Bezerra, e secretários municipais, além de estudantes do ensino médio de São Félix do Araguaia, pela comitiva do município. Da Unemat participaram o reitor Rodrigo Zanin, o pró-reitor de Ensino e Graduação, Alexandre Porto.

 

No encontro, foi discutida a abertura de dois cursos tecnólogos, que possuem formação especializada em nível superior, voltada ao mercado de trabalho, conforme a vocação da região, já no próximo ano. O poder público municipal deve bancar parte dos custos, em parceria com a Unemat. Também iniciaram conversações para o município receber um curso em Direito nos próximos anos.

 

“O diálogo é uma das funções do parlamentar. Aproximar instituições faz parte do meu trabalho e estou muito contente que o encontro tenha sido tão positivo. Se tudo der certo, todo o pólo de São Félix do Araguaia pode se beneficiar com esses novos cursos da Unemat no município, garantindo a capacitação de mão de obra especializada. Isso, por sua vez, também funcionará como impulso para a economia local”, afirmou Dr. Leonardo.

 

De acordo com Janailza, a ida de cursos superiores da Unemat é um clamor da população, especialmente o curso de Direito. “Atualmente quem quer fazer direito e tem condições sai de São Félix e vai para algum município de Goiás para estudar. Por isso, mesmo que o curso de Direito não venha agora, precisamos iniciar as tratativas, mas também levar outras opções ao jovem que sai da ensino médio e quer estudar perto da família”, comentou a prefeita.

 

Os cursos em São Félix podem beneficiar São Félix, Alto Boa Vista, Luciara, Novo Santo Antônio, Bom Jesus do Araguaia e Serra Nova Dourada. “Por isso é possível que São Félix faça um consórcio com as prefeituras de outras cidades das proximidades para reduzir o custo para todos. A ideia é levar um cursos híbridos, ou seja, 80% presencial e 20%, aproximadamente, a distância. Isso reduz custos, facilita ao aluno e mantém o nível do ensino”, concluiu Rodrigo Zanin.


 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags