“Votei conforme o clamor popular”, diz Dr. Leonardo sobre Coaf no Ministério da Justiça

May 23, 2019

 

 

O deputado federal Dr. Leonardo (Solidariedade-MT) lamentou a rejeição da proposta de manter o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) no Ministério da Justiça e Segurança Pública. Na votação da Medida Provisória 870/19 que reestrutura os ministérios do governo Bolsonaro, na noite desta quarta-feira (22.05), o plenário da Câmara decidiu, por 228 a 210 votos, tirar o Coaf da Justiça, comandado por Sérgio Moro, e devolvê-lo ao Ministério da Economia, sob a gestão de Paulo Guedes.

 

“Votei sim, favorável à Medida Povisória, votei com Moro, conforme o clamor popular, para que o Coaf ficasse junto do Ministério da Justiça. Era uma mudança em defesa do combate à corrupção, que apoio. Fomos derrotados, mas é a democracia. Seguiremos na luta por um Brasil melhor”, afirmou Dr. Leonardo.

 

Criado em 1988, o Coaf é um órgão de inteligência financeira que investiga operações suspeitas. A estrutura fazia parte do Ministério da Fazenda até o fim do governo Temer.

 

Pelas redes sociais, Moro não escondeu sua decepção com o resultado que representou uma derrota para sua gestão. “Lamento o ocorrido. Faz parte do debate democrático. Agradeço aos 210 deputados que apoiaram o Ministério da Justiça e o plano de fortalecimento do Coaf”, afirmou ao Estado.

 

O órgão teve participação ativa na Operação Lava Jato e sua incorporação à Justiça foi um pedido do ex-juiz a Bolsonaro ao assumir a pasta.

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags