Deputado de MT é destaque em programa nacional

October 29, 2019

 

 

A posição do Brasil na COP 25 que será realizada em dezembro no Chile foi tema do programa Câmara Debate, exibido nesta semana na TV Câmara. O deputado federal Dr. Leonardo (Solidariedade-MT) foi destaque na discussão sobre produção sustentável, ao lado do deputado Camilo Capiberibe (PSB-AP), ex-governador do Amapá.

 

Membro da Frente Parlamentar da Agropecuária, Dr. Leonardo defendeu os avanços do Brasil na questão ambiental e lembrou que o país foi redator do texto do Acordo de Paris, de 2015. Na ocasião, o parlamentar exercia o mandato de deputado estadual em Mato Grosso, que foi um dos protagonistas da COP 21.

 

“A expectativa é a melhor possível com a COP 25. O fato do Brasil não sediar a Conferência Climática Mundial da ONU é plausível porque o evento custaria mais de R$500 milhões aos cofres públicos. Mas, isso não significa que não participaremos da discussão. Desde a ECO 92, mostramos nosso protagonismo para o mundo em termos de legislação, produção agrícola e desenvolvimento sustentável”, afirmou Dr. Leonardo.

 

Como deputado estadual, Dr. Leonardo também registrou que trabalhou para aprovar a Lei nº 10.370/2016, que cria o Instituto Mato-grossense da Carne (IMAC) – o quinto instituto do mundo. Com as ações de fortalecimento de produção de carne de forma sustentável, o mercado internacional vem ampliando o interesse no produto local. O deputado lembrou que, neste ano, investidores dos Emirados Árabes Unidos e representantes da cadeia produtiva se encontraram para promoção de negócios no setor.

 

Além disso, em 2017, o governo de Mato Grosso firmou convênios com os governos da Alemanha e o Reino Unido, no valor de R$ 178 milhões, para investimentos em programas de desenvolvimento sustentável.  O investimento ocorreu para Mato Grosso investir no combate ao desmatamento, reflorestamento e ações de apoio à agricultura familiar e comunidades tradicionais.

 

“As linhas de financiamento e de créditos bancários internacionais já privilegiam empresas, Estados e países que demonstram indicadores socioambientais. Ou seja: estão atentos se as organizações aplicam recursos alinhados aos princípios do desenvolvimento sustentável. Temos vários exemplos em Mato Grosso que comprovam que podemos desenvolver respeitando a legislação e cuidando das gerações futuras”, ressaltou Dr. Leonardo.

Confira o programa: https://www.camara.leg.br/tv/603889-cop-25-e-tema-de-debate-entre-deputados/


 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Posts Recentes

November 21, 2019

Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags