NOTA DE ESCLARECIMENTO

November 21, 2019

 

 



Para efeitos de verdade, transparência e publicidade, deputado federal Dr. Leonardo (Solidariedade-MT) desmente as informações publicadas no Blog Bugre Online, na nota “Deputado Leonardo em 2017 viajou a China pra conseguir 90 milhões para demandas de Barra do Bugres. Veja o que deu a viagem”.

A respeito da nota, esclarece:

- Enquanto deputado estadual, Dr Leonardo não viajou para China. Ou seja, a informação é mentirosa;- Um representante desua equipe participou de evento internacional, onde se viabilizou aval de um Fundo de Investimento Chinês para captação de R$ 90 milhões para investir no saneamento de Barra do Bugres. Tratava-se de uma linha de crédito através de PPP que também seria paga pelo município ao longo dos anos;


- O projeto não foi executado por falta de interesse do Governo do Estado, inicialmente da gestão Pedro Taques. Ressalta-se que o Poder Executivo é quem executa obras. Como deputado, Dr. Leonardo tem a função de apresentar projetos, buscar interlocução e fiscalizar o Executivo;


- O deputado também apresentou o projeto ao atual governador, Mauro Mendes, que também não demonstrou interesse em executar. Por isso, Barra do Bugres não terá a execução do PIPS, que seria uma alternativa para equacionar o saneamento básico nos municípios de Mato Grosso;


- É mentira também o que afirma a matéria sobre a destinação exclusiva de emendas referentes ao Turismo e Cultura. Percebe-se o nítido intuito de macular gratuitamente a imagem do parlamentar;


- Um exemplo que ilustra a atuação do então deputado estadual Dr. Leonardo é o Proppen, maior cursinho público preparatório para o Enem do interior do Estado. Foi com emenda do deputado Dr. Leonardo que foi executada reforma do PSF da comunidade do Limão. Ruas de Cáceres foram asfaltadas com dinheiro de emenda do deputado Dr Leonardo, etc;


- Como deputado federal, Dr Leonardo já indicou mais de R$ 28 milhões de recursos para Cáceres somente no primeiro ano de mandato. Em breve será divulgada um balanço com todas as ações do parlamentar pela Princesinha do Paraguai;


- Por fim, a assessoria jurídica do deputado informa que deverá acionar na Justiça os proprietários do site, levando em conta a produção e propagação de notícias falsas, as famosas fake news, de forma anônima. Na Constituição Federal há um artigo bastante conhecido quez que “é livre a manifestação do pensamento sendo vedado o anonimato”. A frase significa que é garantida a liberdade de expressão, mas que o anonimato do autor é proibido, ou seja, ele deve ser identificado e responsabilizado por prejuízos políticos decorrentes das informações veiculadas.


Sempre mantendo a postura de rigor e transparência no relacionamento com a imprensa, o deputado federal Dr. Leonardo se coloca à disposição para qualquer outro esclarecimento. 
 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags